Significado dos meses na Bruxaria!

 

 

 

୯ Jαηєιяσ ᦾ 

  Segundo a autora, o mês de janeiro carrega uma homenagem á um casal divino, Janus e Jana, que também podem ser conhecidos como Dianus e Diana. Janus seria o Deus do Sol e do Dia, guardião do Arco Celeste e de todas as entradas e portas, inventor das leis civis, das cerimônias religiosas. Ele é representado pela moeda como um deus com dois rostos, um virado para o passado e outro para o futuro.
  Já a Jana é representada como uma Deusa dupla: Antevorta que olha para trás e se lembra do passado, e a Postvorta que olha para frente e tem o poder da profecia.
  Percebem como o casal tem essa questão do olhar para o passado e olhar para o futuro? Pois bem, o mês de janeiro tem o mesmo significado. Como é o primeiro mês do ano, estamos completamente carregados da lições e demais resíduos que vivenciamos no ano anterior. E, ao mesmo tempo, temos as sementes para o ano que está por vir.
  É o mês de absorvermos aquilo que aprendemos no ano anterior, de respirarmos fundo e nos limpar para iniciar um novo ciclo. Reflita sobre as experiências que você teve, principalmente os erros e os acertos, pense quais são os seus objetivos para esse ano.
  Lema do mês: fazer escolhas buscando proteção e orientação espiritual.
  Árvore sagrada: álamo.
  Pedra sagrada: granada.

୯ Ƒєνєяєιяσ ᦾ 

 Alguns escritores consideram o nome deste mês derivado do Deus Februas, posteriormente identificado como deus Plutão. Também é falado da Deusa Februa, da febre do amor e da paixão.
  O nome celta deste mês é Feabhra e o anglo-saxão, Solmonath, assinalando o retorno da luz após a escuridão do inverno.
  Na Wicca é comemorado, no hemisfério norte, o sabbath Imbolc, que celebra a Deusa tríplice Brighid, a Senhora do fogo criador da arte e da magia.
  Lema do mês: busque o equilíbrio em sua vida, mesmo se passar por experiências dolorosas.
  Árvore sagrada: salgueiro.
  Pedra sagrada: ametista.

୯ Mαяçσ ᦾ 

  Mês dedicado ao deus romano, Marte ou Marvus, padroeiro da guerra e da agricultura. Marte se apresentava em três aspectos: deus da guerra Grandivus, deus silvestre dos campos, Silvanus, padroeiro do estado romano, Quirinus.
  Sua consorte era Nerine, a deusa da guerra.
  Recomenda-se neste mês fazer exercícios de equilíbrio e centramento pessoal, bem como renovação e a harmonização dos relacionamentos afetivos e profissionais. Ótima época para iníciar novos projetos e empreendimentos.
  Lema do mês: Liberte-se das amarras e livre-se dos conflitos.
  Árvore sagrada: freixo.
  Pedra sagrada: jaspe sanguíneo e água-marinha.

୯ AвяιƖ ᦾ 

  Originalmente inspirado em Afrodite, a deusa grega da vida e do amor, o nome deste mês foi posteriormente adaptado pelos romanos para Aprilis, o tempo das flores e folhas em botão.
  O nome anglo-saxão deste mês era Easter Monath, que é até hoje mantido no palavra Easter (Páscoa). Reverenciava-se a deusa da primavera e da fertilidade Eostere, assemelhada á Afrodite.
  Lema do mês: juntar as forças para ir a diante.
  Árvore do mês: espinheiro.
  Pedra sagrada: diamante.

୯ Mαισ ᦾ 

  A deusa grega Maia, mãe do deus Hermes, e a mais importante das sete irmãs, deu origem ao nome deste mês. Maia, também chamada de Maius pelos romanos, é a deusa do calor vital, da sexualidade e do crescimento.
  Dedique-se este mês a buscar sua harmonia pessoal, conciliando seus opostos, aparando as aretas e criando condições para atrair um parceiro compatível ou aprofundar uma relação já existente.
  Lema do mês: fortaleça-se e cresça.
  Árvore sagrada: carvalho.
  Pedra sagrada: ágata e esmeralda.
 

୯ Jυηнσ ᦾ 

  Originalmente, o nome deste mês era junonius, em homenagem á Juno, a deusa romana padroeira dos casamentos e das mulheres.
  Equivalente a deusa grega, Hera, Juno era invocada nos casamentos para garantir a felicidade duradoura por seu aspecto de padroeira e protetora das funções e atributos femininos.
  Procure fortalecer-se reforçando suas características positivas, assumindo responsabilidades e tomando decisões. Abra uma nova porta de entrada das energias luminosas e benéficas, celebre o solstício e reverencie a natureza, entrando em contato com os elementais.
  Lema do mês: energia e poder de decisão para enfrentar problemas e obstáculos.
  Árvore sagrada: azevinho.
  Pedra sagrada: ágata, pedra da lua, alexandrita e perola.
 

୯ JυƖнσ ᦾ 

  Em 46 a.c o imperador Júlio César tentou reorganizar o caótico calendário romano. Por conta disso, o nome do mês, Quinteles, foi modificado para o homenagear. Mesmo que o calendário tenha mudado o gregoriano em 1582, o nome do mês se manteve.
  Os gregos celebravam, neste mês, as Olimpíadas, que era um festival dedicado á Zeus.
  Dedique este mês para avaliar suas realizações, canalizar sua energia criativa para novos projetos e descobrir novos caminhos de realização espiritual.
  Lema do mês: usar a energia criativa para realizar seu trabalho e criar novos projetos.
  Árvore sagrada: aveleira.
  Pedra sagrada: rubi.
 

୯ Agσѕтσ ᦾ 

  Antigamente conhecido como Sextilis no calendário romano, este mês teve seu nome alterado para Augustus, em honra ao imperador Augustus César. O título August era relacionado a um dos aspectos da deusa Juno, e está relacionado ao poder profético conferido aos homens pelas divindades.
  É um mês favorável á avaliação de sua colheita dos meses anteriores. Medite á respeito daquilo que não vingou nos meses anteriores. Usando a metáfora da autora, projetos, ideias, ambições, objetivos são chamados de sementes. Por isso veja quais dessas sementes vingou, quais delas devem ser substituídas, aquilo que te prejudica deve ser jogada fora.
  Feito essa limpeza, renove e fortaleça aquilo que sustenta a sua semente, conecte-se ás deusas da Terra.
  Lema do mês: descanse, mas não descuide do seu desenvolvimento interior.
  Árvore sagrada: macieira.
  Pedra sagrada: sardônica e peridoto.

୯ Sєтємвяσ ᦾ 

  No antigo calendário romano, Septem era o sétimo mês. Apesar do acréscimo de outros meses, seu nome se manteve, e Pomona, a deusa romana padroeira dos frutos e das árvores frutíferas, foi escolhida como regente.
  Essa é a oportunidade para buscar equilíbrio entre luz e escuridão, a razão e emoção, a matéria e o espírito. É o tempo propício para organizar sua vida e buscar soluções para seus problemas físicos, mentais, emocionais e espirituais.
  Lema do mês: para tomar decisões certas e fazer escolhas corretas, entre em contato com sua voz interior.
  Árvore sagrada: videira.
  Pedra sagrada: safira azul e olivina.
 

୯ Oυтυвяσ ᦾ 

  O oitavo mês do calendário romano antigo continuou a ser chamado de Octem. Era o mês que se preparavam para a chegada do inverno.
  Os celtas celebravam neste mês Cernunnos, o Deus Cornífero, o caçador, o consorte da Deusa e representação do poder fertilizador masculino.
  Dedique um tempo para descobrir, avaliar e superar as suas perdas, sejam elas materiais ou emocionais. Liberte-se de mágoas e dos ressentimentos, cure suas feridas com o balsamo do perdão.
  Lema do mês: prepare-se, pois surpresas ou contratempos estão lhe aguardando.
  Árvore sagrada: Junio.
  Pedra sagrada: opala e turmalina.
 

୯ Ɲσνємвяσ ᦾ 

  No calendário romano original, ficava em nono lugar/mês, recebendo o nome Novem, que é mantido até hoje.
  Ele representa uma transição do velho para o novo, o tempo de términos e novos começos. A escuridão aumenta, a vida está em declínio e os véus entre os mundos se torna mais tênue.
  Com o fim do ano se aproximando, reserve este mês para finalizar projetos e compromissos. Descarte o que não serve mais, livre-se de pesos mortos, abra espaços e reflita sobre os ciclos da vida e da natureza.
  Lema do mês: purifique-se, prepare-se para os novos desafios e mudanças pessoais em sua vida.
  Árvore sagrada: álamo.
  Pedra sagrada: topázio.
 

୯ Ɗєzємвяσ ᦾ 

  Decem era o décimo mês do antigo calendário romano. Seu nome também surgiu como uma homenagem á deusa Décima, uma das Parcas-Senhoras do destino, a regente do presente e tecelã do fio da vida, equivalente a deusa grega Clotho.
  Dezembro representa o fechamento de um ciclo, um período para refletir sobre o ano que passou. Na avaliação daquilo que passou e no expectativa de um novo ano, repete-se o momento mítico da passagem do caos para a ordem.
  Lema do mês: assuma o controle de sua vida e não se deixe guiar pelos outros.
  Árvore sagrada: soveira.
  Pedra sagrada: Turquesa e zircônio.