ORIGEM E HISTÓRIA DA PRECE DE CÁRITAS?

 QUAL A VERDADEIRA ORIGEM E HISTÓRIA DA PRECE DE CÁRITAS?

 
A prece de Cáritas tem sido constantemente orada por várias gerações de espíritas, umbandistas e espiritualistas. Quando recitada com a entonação correta, é uma prece de proteção extremamente eficaz, mesmo para iniciantes. Diz-se que “CÁRITAS” era um espírito que se comunicava através da médium Madame W. Krell, num grupo de Bordeaux (França), sendo ela uma das maiores psicografas da história do espiritismo. A prece de Cáritas foi psicografada na noite de 25 de dezembro, de 1873, ditada pela suave Cáritas, de quem são, ainda, outras comunicações conhecidas, como: “A esmola espiritual” e “Como servir a religião espiritual”. Todas as mensagens que Madame W. Krell psicografava em transe encontram-se no livro Rayonnements de la Vie Spirituelle, publicado em Maio de 1875 em Bordeaux, inclusive, a própria prece de Cáritas escrita em francês (tal e qual como foi transmitida).
 
PARA QUE SERVE A PRECE DE CARITAS?
 
A oração de Cáritas não tem um objetivo claro… Ao fazer a sua oração você pode sentir uma elevação e purificação da alma, inspiração ao amor próprio e caridade com o próximo. Para além disto e como já foi dito acima, é uma oração muito boa para proteção, basta ler algumas frases para constatar isso mesmo!
 
Nota: é importante que você faça esta oração de uma forma sentida e não de uma forma mecânica e decorada! Pela sua sublime beleza e poder, a prece de Caritas merece todo o seu amor e compreensão!
 
A Prece de Cáritas é muito conhecida, principalmente no meio espírita. É uma oração muito forte, que alcança a profundidade da alma e proporciona uma elevada serenidade e paz de espírito.
 
Esta prece foi psicografada em França pela médium “Madame W. Krell” durante a noite de Natal de 1873 e hoje é procurada por mais de 50.000 pessoas todos os meses (só) na Internet!
 
                      Prece de Caritas.
 
“Deus nosso Pai, que Sois todo poder e bondade, dai força àqueles que passam pela provação, dai luz àqueles que procuram a verdade, e ponde no coração do homem a compaixão e a caridade.
 
Deus, dai ao viajante a estrela Guia, ao aflito a consolação, ao doente o repouso.
 
Pai, dai ao culpado o arrependimento, ao espírito, a verdade, à criança o guia, ao órfão, o pai.
 
Que a vossa bondade se estenda sobre tudo que criaste.
 
Piedade, Senhor, para aqueles que não Vos conhecem, e esperança para aqueles que sofrem.
 
Que a Vossa bondade permita aos espíritos consoladores, derramarem por toda à parte a paz, a esperança e a fé.
 
Deus, um raio, uma faísca do Vosso divino amor pode abrasar a Terra, deixai-nos beber na fonte dessa bondade fecunda e infinita, e todas as lagrimas secarão, todas as dores acalmar-se-ão.
 
Um só coração, um só pensamento subirá até Vós, como um grito de reconhecimento e de amor. 
 
Como Moisés sobre a montanha, nós Vos esperamos com os braços abertos.
 
Oh! bondade, Oh! Poder, Oh! beleza, Oh! perfeição, queremos de alguma sorte merecer Vossa misericórdia.
Deus, daí-nos força, ajudai o nosso progresso, a fim de subirmos até Vós; daí-nos a caridade pura, a humildade; daí-nos a fé e a razão, daí-nos a simplicidade, que fará de nossas almas o espelho onde se há de refletir a Vossa Divina Imagem
 
Que assim seja!